quinta-feira, 29 de setembro de 2011

A História resguardada

Memorial da PM Cearense recebe doação de uma arma que pertencera ao Rei do cangaço.
Por Ângelo OSMIRO


Ângelo Osmiro, Cel. Jarbas Araújo, Cel. Gutemberg Liberato e Dr. Osmar Diógenes.

No dia de ontem quarta-feira, dia 28 de setembro de 2011, estivemos em nome do GECC (Grupo de Estudos do Cangaço do Ceará) na companhia do Coronel Gutemberg Liberato e do Dr. Osmar Diógenes no Comando da Polícia Militar do Ceará, onde fomos recebidos pelo Subcomandante Geral da Corporação Coronel Jarbas Araújo dos Santos (fotos) no intuito de fazer a doação para o Memorial da Polícia Militar do Ceará de uma arma que um tio-avô do Dr. Osmar recebeu de Lampião quando o bando do rei do cangaço retornava do malogrado ataque a Mossoró no Rio Grande do Norte em 1927.



Segundo o doador a arma foi entregue pelo próprio Lampião ao seu parente Otíio Diógenes que serviu como guia do bando naquela oportunidade. A arma foi dada por Lampião ao Sr. Otílio como forma de gratidão pelo serviço prestado como guia.

Segundo ainda depoimento do Sr. Otílio Diógenes ao seu sobrinho-neto Dr. Osmar, Lampião teria dito ainda que a arma, ele (Lampião) havia tomado em combate da polícia do Ceará. O fato se verificou na Fazenda Prado/Palhano, nas proximidades da serra da Micaela no município de Jaguaribe, Sertão do Ceará.

Att Ângelo Osmiro Barreto

4 comentários:

Sergio Dantas disse...

A arma deve ser de procedência mesmo, pois - e de fato, Otílio foi guia do bando após o assalto de Mossoró.
Abs
Sérgio.'.

ADERBAL NOGUEIRA disse...

PARABÉNS AO AMIGO EM CHEFE ÂNGELO OSMIRO, E AO CEL. GUTEMBERG PELA DOAÇÃO. QUE COMO AFIRMA O GRANDE PESQUISADOR SÉRGIO DANTAS É UMA PEÇA ORIGINAL.

ADERBAL NOGUEIRA

JAQUEANE disse...

A história é verídica, sou bisneta de Otílio Diógenes, minha mãe contou esta história para mim sobre o seu avô.

Higor Dos Santos disse...

Gostaria muito de saber o endereço do memorial da policia militar do ceará, sou um pesquisador independente sobre a HISTÓRIA DO REI DO CANGAÇO! Ficaria muito lisonjeado em ver essa relíquia tão importante para História do Nordeste!

POR FAVOR ENTRAR EM CONTATO POR E-MAIL: higor.pereira@aluno.uece.br